quinta-feira, 14 de março de 2013

Primavera Silenciosa

     O livro "Primavera Silenciosa" que há pouco chegou a mim, é um achado. É a primeira obra-reportagem de cunho investigativo que denuncia o bombardeio químico ao qual a sociedade americana está exposto, de forma mais intensa com o DDT, e as consequências funestas à saúde e ao meio-ambiente ( a obra é de 1962).
     As forças retrógradas da mídia, da DuPont (fabricante do troço) e a grande massa ignorante do perigo ao qual estava exposta, massacraram impiedosamente a pessoa da pesquisadora, na tentativa de desacreditá-la.
     É técnico sem ser maçante, poético sem ser piegas, e sem dúvida, o livro de maior impacto, de maior contundência na questão ambiental, pois conseguiu, ainda na gestão Kennedy, impulsionar uma investigação do governo, e a posterior proibição do produto.
     Vale cada centavo investido.
     Eis Rachel Carson.
       Foto de iipdigital.usembassy

4 comentários:

  1. Simulacros do capital, a economia mata o homem, e sua humanidde.

    ResponderExcluir
  2. Auuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu! A Química nossa de cada dia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. no pão, na farinha, na cachaça, a química nos persegue...

      Excluir